terça-feira, 6 de maio de 2014

Regras de Convivência

FÁBULA DA CONVIVÊNCIA 
Durante uma era glacial, quando parte do globo terrestre esteve coberto por densas camadas de gelo, muitos animais não resistiram ao frio intenso e morreram indefesos, por não se adaptarem as condições do clima hostil. 
Foi então que uma grande manada de porcos-espinhos, numa tentativa de se proteger e sobreviver começou a se unir, a juntar-se mais e mais. Assim, cada um podia sentir o calor do corpo do outro. E todos juntos, bem unidos, agasalhavam-se mutuamente, aqueciam-se, enfrentando por mais tempo aquele inverno tenebroso.
Porém, vida ingrata, os espinhos de cada um começaram a ferir os companheiros mais próximos, justamente aqueles que lhes forneciam mais calor, aquele calor vital, questão de vida ou morte. E afastaram-se feridos, magoados, sofridos.
Dispersaram-se, por não suportarem mais tempo os espinhos dos seus semelhantes. Doíam muito... Mas, essa não foi a melhor solução: afastados, separados, logo começaram a morrer congelados
Os que não morreram voltaram a se aproximar pouco a pouco com jeito, precauções, de tal forma que, unidos, cada qual conservava uma certa distância do outro, mínima, mas suficiente para conviver sem ferir, para sobreviver sem magoar, sem causar danos. Assim suportam-se resistindo à longa era glacial. 

Nome: ____________________________ Data: ___/___/___ 
REGRAS DE CONVIVÊNCIA

Hoje discutimos na sala sobre a importância das regras na nossa vida para que haja uma boa convivência. As regras existem em toda a sociedade e são necessárias para a sua organização. Na escola também temos regras.
Pense sobre isso e escreva nas linhas abaixo 6 regras que você julga importante na escola. 
__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
* Escreva o que você entendeu do texto. 
__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________


Nenhum comentário:

Postar um comentário